Domaine Baud

Crémant du Jura – Brut Blanc

Valor

R$290,00

91 em estoque

-
+

Descrição

O Crémant Brut Blanc é feito 100% com uvas chardonnay.
Ambas as fermentações (alcoólica e malolática) acontecem em tanques de aço inoxidável e, após o engarrafamento, ocorre a segunda fermentação dando-lhe sua efervescência.
O espumante é então envelhecido por um mínimo de 12 meses seguido pelo disgorgement.

Aos olhos, o vinho apresenta uma cor amarelo pálido com reflexos esverdeados.
A Perlage é fina, delicada e persistente.

No nariz é delicado com notas de maçã verde, frutas cítricas, frutas de caroço branco e um tom de flores silvestres.
O final é ligeiramente ácido, com um agradável equilíbrio entre o ácido e o álcool. É um espumante bem refrescante.

Harmonização: Ideal antes do jantar, puro ou em coquetéis (com um pouco de Macvin e passas, por exemplo), mas também combina perfeitamente com bolos e todos os tipos de sobremesas.

Armazenamento: Este vinho deve ser servido a uma temperatura de 4 a 6 ° C e sugerimos consumi-lo em até 4 anos.

 

Produtor

A história da propriedade remonta a 1742, quando Jean-François Baud começou a trabalhar como pedreiro em Le Vernois. A casa da família acomodou todas as gerações seguintes que já estavam listadas nos arquivos da cidade antes da Revolução Francesa, ganhando a vida com a agricultura.

Em 1950, René BAUD, a 7ª geração, reconstruiu a vinha que havia sofrido com a crise da filoxera e com as duas guerras mundiais. Naquela época, eram cultivados apenas 4 hectares de vinha.

Em 1978, Jean Michel BAUD e Alain BAUD, a 8ª geração, começaram a gerir a adega e deram um novo impulso à empresa ao criar a propriedade oficial “GAEC Baud Père et Fils”. Graças ao seu trabalho incansável a vinha foi progressivamente ampliada de 4 a 20 hectares de vinhedos.

No dia 1 de janeiro de 2016 a 9ª Geração assume as rédeas da propriedade.
Bastien, 23 anos, é responsável pelos vinhedos e pelo processo de vinificação, enquanto Clémentine, 25 anos, assume a administração e comercialização dos vinhos. Desde sua sucessão, a propriedade cresceu em 3 hectares adicionais, contando agora com vinhedos na AOC Côtes du Jura, AOC L’Etoile, além de 3,5 hectares no exclusivo vinhedo Château-Chalon.

O saber ancestral que foi transmitido de pai para filho ao longo do tempo é algo que Bastien e Clémentine se orgulham muito. Além disso entendem que o Terroir que cultivam é o maior bem que possuem e, por isso, entendem que é extremamente importante respeitá-lo e preservá-lo para garantir o futuro das próximas gerações da família. Com isso em mente praticam a agricultura sustentável visando garantir a qualidade dos vinhos e a preservação do patrimônio. Para estes fins ecológicos, a adega da Domaine Baud tem a certificação “Terra Vitis” desde 2014 e hoje a produção é de aproximadamente 100.000 mil garrafas por ano.